Notícias


Publicado em:
28
3/2019

Adaptação da obra “O Pequeno Príncipe” está em cartaz no Teatro Folha

Montagem mistura atores com bonecos e utiliza luz negra para encantar crianças e adultos.



Metatags: ABRIN, Teatro, Pequeno Príncipe
Divulgação

O espetáculo para crianças “O Pequeno Príncipe” está em cartaz até 25 de agosto no Teatro Folha, numa encenação que integra o trabalho de ator com manipulação de bonecos e técnicas de teatro com luz negra. Adaptada e dirigida por Ian Soffredini e com classificação de 3 anos, o espetáculo é uma adaptação da obra homônima escrita pelo aviador francês Antoine de Saint-Exupéry, publicada em 1943.


O livro se tornou um clássico da literatura universal, traduzido em mais de 220 idiomas e dialetos, ganhando fãs e produtos licenciados por todo o mundo.  O Pequeno Príncipe mora no asteroide B-612 com uma rosa, baobás e três vulcões. Um dia, ele pega carona numa revoada de pássaros e vai conhecer novos mundos e pessoas.


Depois de passar por diversos planetas e conhecer inusitados personagens, como o Rei, o Homem de Negócios e o Vaidoso, acaba caindo no planeta Terra, em pleno deserto do Saara. Na Terra, conhece o narrador, que coincidentemente sofreu uma queda de avião no mesmo local.


 Ao adaptar a obra literária, o diretor preservou ao máximo as imagens poéticas sugeridas pelo autor e concentrou o foco em criar uma ação dramática, fortalecendo, assim, a narrativa da peça. A equipe encena o texto destacando a sensibilidade e a visão poética sobre a vida e as relações, que é um dos pontos fortes da obra de Saint-Exupéry.


A montagem leva o conteúdo da obra para um mundo de sonho e fantasia, por meio de uma estética visual rica, colorida, capaz de despertar a imaginação das crianças e emocionar aos adultos. Assim como a obra literária, a peça se comunica com o público de todas as idades.

Fonte: Primeira Página


Últimas notícias

Como proporcionar uma verdadeira experiência de compra ao consumidor

Patricia Cotti, diretora Executiva do IBEVAR, pondera que deve existir um equilíbrio entre tecnologia e toque humano para uma conexão mais agradável e completa.
Leia Mais

E-commerce deve explorar melhor as vendas via celular para manter ritmo

Previsão é que o volume de vendas do comércio eletrônico salte 15% em 2019, mas fatores como frete e logística precária são desafios para o mercado virtual chegar às regiões mais longínquas.
Leia Mais

Projeto de lei estipula peso máximo de mochilas no RJ

Governador tem até 15 dias úteis para sancionar ou vetar iniciativa.
Leia Mais